Blog dos desenvolvedores #4 – Será que você sobrevive no Conan Exiles?

Um vento árido sopra no deserto, e faz arder seus olhos quando você olha para o horizonte. Crucificado, condenado e abandonado; não há mais nenhuma esperança senão esperar pelos abutres e pela morte…

Logo antes de perder a luta contra as trevas sem fim, você vê a silhueta de um homem alto. Conan, o Bárbaro, está diante de você. Ele usa os músculos avantajados para libertar você da cruz.
“Você ganhou uma nova vida.” Conan fala com pena na voz.

Ele vira e olha em volta, para as Terras do Exílio. “Você ganhou uma segunda chance. Vá viver, viva com ardor, com amor, para matar e para sobreviver!”

Conan se vira e desaparece andando no deserto atrás de você. Você vê uma tempestade de areia colossal se aproximando, e Conan entra nela.

O bracelete de serpente no seu braço é a marca indelével de sua condenação e exílio, mas Conan pelo menos lhe deu uma chance de sobreviver.

Agora as Terras do Exílio e as piores dificuldades o aguardam.

O básico da sobrevivência

Agora cabe a você sobreviver. Suas necessidades mais básicas são comida e água. Sem suprimentos constantes você não sobreviverá muito tempo neste ambiente inóspito. Trilhe um caminho para fora do centro do deserto em direção às terras férteis. Logo você descobrirá um vale com um rio, onde poderá coletar água e diversos tipos de alimentos na mata.

Mas também há perigo neste lugar, portanto você vai precisar se defender. Colha os recursos disponíveis nesta terra para fabricar armas, roupas e ferramentas simples, mas sempre esteja pronto para enfrentar as criaturas que querem te rasgar pedaço por pedaço. Colete a carne crua dos animais que matar, e cozinhe-a em uma fogueira antes de comer.

Contudo, as armas e roupas não vão proteger você das implacáveis tempestades de areia que assolam as Terras do Exílio. Quando uma tempestade chegar, você precisará buscar abrigo ou será dilacerado por inteiro pelos ventos poderosos.

Além de abrigar das tempestades de areia, uma casa também fornece proteção contra criaturas perigosas e jogadores predatórios.

Fazendo progresso

Depois que dominar o básico da sobrevivência, você poderá avançar e se tornar mais forte a cada nível. Descubra novas fórmulas para fabricar armas melhores, armaduras aprimoradas e construções mais resistentes. Você também poderá melhorar seus atributos, tais como vida, vigor, capacidade de carga, valentia e muito mais.

E logo você precisará mergulhar ainda mais fundo nas Terras do Exílio para encontrar ingredientes poderosos, tais como o pó de um túmulo estigiano ou o sangue de criaturas demoníacas. Quanto mais você avança nestas terras inclementes, mais perigosas elas ficam. Criaturas terríveis como terrores das dunas, escorpiões gigantes e aranhas enormes vagam pelos territórios. Nas fogueiras dos exilados há até boatos sussurrados sobre dragões lendários.

À medida que você explorar, irá revelar muitos mistérios e segredos antigos, há muito escondidos no deserto. Procure pistas do passado em cavernas profundas, ruínas decrépitas e masmorras colossais. Os demônios cruéis e os incansáveis mortos-vivos que assombram estes lugares tenebrosos são só uma parte do perigo. Cuidado com a presença pérfida e corruptora da magia negra, que pode enfraquecer você com o tempo.

A maior ameaça

Diversas tribos, bandidos, mercenários, piratas e todo tipo de ralé fazem das Terras do Exílio o seu lar, mas se você estiver jogando em um servidor jogador x jogador, a maior ameaça à sua sobrevivência serão seus colegas jogadores.

Eles podem caçar você onde quer que esteja, e derrubar seus abrigos até virarem pó. E talvez construir defesas não seja suficiente para te salvar, portanto a melhor defesa é se unir com outros e formar um clã.

Juntos vocês podem construir castelos e até vilarejos inteiros. Você ainda pode reforçar as suas defesas capturando PNJs e transformando-os em lacaios na Roda da Dor. Os lacaios podem defender suas muralhas como arqueiros, ajudar na fabricação de equipamentos poderosos ou aliviar a dureza das guerras como artistas.

O mundo de Hibória tem muitos deuses, e idolatrá-los te dá acesso às armas mais poderosas que existem: os avatares divinos! Avance sobre as fortalezas dos seus inimigos com um exército de amigos aliados e devastadoras armas de cerco, depois lance a própria personificação do seu deus para esmagar as pobres almas.

Apenas os mais fortes sobreviverão.